quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Açude de Acari deve secar nos próximos dias, diz Caern

A água do açude Gargalheiras, localizado no município de Acari, na região do Seridó potiguar, vai acabar. É o que afirma a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern). De acordo com a companhia, a última medição realizada no reservatório apontou para o volume crítico de 0,2% do total e o abastecimento a partir do Gargalheiras deve ser suspenso por esgotamento completo.
Segundo o engenheiro Adelson Santos, da regional da Caern em Caicó, a companhia já começou a trabalhar na perfuração de poços para garantir o abastecimento do município. De acordo com Santos, dois poços já foram perfurados na comunidade rural de Bulhões. Mais dois poços devem ser escavados nos próximos dias.
"Não temos como precisar a data em que o sistema ligado ao Gargalheiras entrará em colapso. Pelo baixo volume, acreditamos que em questão de dias o sistema deixe de ser abastecido em virtude do esgotamento total do manancial", afirmou o engenheiro.
Ainda de acordo com Santos, a água dos poços será conduzida pelas adutoras ligadas ao sistema Gargalheiras em sentido inverso, rumo a estação do manancial e de lá para a cidade. Na cidade, camihões-pipa ficarão responsáveis pela coleta da água e a redistribuição em pontos estratégicos do município.
"É importante ressaltar que a água que vem dos poços não tem o padrão de qualidade garantido pela companhia. A água deve ser utilizada apenas para limpeza e para higiene pessoal, não para o consumo humano", alertou Santos.
O açude Gargalheiras, originalmente batizado como barragem Eurico Gaspar Dutra, é um dos reservatórios de água mais importantes do Rio Grande do Norte, com capacidade de amarzenamento de aproximadamente 44 milhões de metros cúbicos de água. O manancial é responsável pelo abastecimento dos municípios de Acari e Currais Novos, ambos localizados no Seridó potiguar.
Fonte G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário