sábado, 17 de outubro de 2015

CURRAIS NOVOS: RAFAEL APRIGIO SANTOS DE MEDEIROS E PEDRO HENRIQUE BARBOZA DA SILVA SERÃO JULGADOS DIA 28 DE OUTUBRO

Foto: Arquivo do Blog

Fonte: Vara Criminal de Currais Novos / J.Júnior

Segundo o Ministério Público o acusado Rafael Aprígio Santos de Medeiros na companhia de Pedro Henrique Barboza da Silva (Foto), ambos em unidade de desígnios, teriam tentado matar a vítima Gilvane Teixeira de Carvalho, mediante disparos de arma de fogo, não conseguindo seu intento por circunstâncias alheias à sua vontade.
Assevera o Promotor de Justiça que Rafael Aprígio conduzia a moto enquanto Pedro Henrique estava na garupa, sendo que o segundo foi quem efetuou os disparos contra a vítima e seu amigo Diego dos Santos Araújo, que também estava no local, sendo que o alvo principal seria realmente o Gilvane Carvalho. O delito foi motivado por rixa preexistente entre Pedro Henique e a vítima Gilvane, sendo que um irmão da vítima já teria tentado tirar a vida do acusado em momento anterior.
O Juiz, Dr. Ricardo Antônio M. Cabral Fagundes afirma que há indícios de autoria, uma vez que as palavras da vítima foram reforçadas pelos depoimentos das demais testemunhas ouvidas em juízo, apontando que há indícios suficientes de que Rafael Aprígio Santos de Medeiros e Pedro Henrique Barbosa da Silva tentaram matar a vítima no dia 26 de janeiro de 2015.
A vítima Gilvane Teireira de Carvalho afirma no depoimento que estava com Diego no bar da esquina de Régis quando viu Rafael passando sozinho na moto dele por duas vezes; Que foi para sua residência e quando estava chegando em casa, Pedro Henrique efetuou dois disparos contra o depoente mas não acertou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário