quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Deputado se envolve em tumulto com motorista de senador no Congresso

Assessoria de Takayama diz que ele levou soco de motorista de Delcídio.
Senador diz que deputado agrediu motorista primeiro, com tapa no rosto.
O deputado Takayama (PSC-PR), 67 anos, foi agredido na noite desta terça-feira (6), na entrada do Congresso, pelo motorista do senador Delcídio Amaral (PT-MS), segundo informou a assessoria da Câmara. Na versão do senador, o motorista levou um tapa no rosto e reagiu com um "safanão". A assessoria do deputado nega que ele tenha cometido a agressão.
Takayama teria se desentendido com o motorista do lado de fora da Câmara em razão de um incidente de trânsito. Segundo testemunhas, o deputado levou um soco. Uma poça de sangue ficou na calçada.
O episódio ocorreu na entrada principal do Congresso, onde carros costumam se acumular nos dias mais movimentados, em razão do embarque e desembarque de parlamentares.
De acordo com a assessoria de imprensa da Câmara, o deputado, que é cardiopata, foi levado para o Departamento Médico da Casa, que constatou "feridas superficiais no nariz e na cabeça". Segundo a assessoria da Câmara, o motorista foi detido pela Polícia do Senado, para registro da ocorrência.

Nenhum comentário:

Postar um comentário