sábado, 24 de fevereiro de 2018

SÓ NO BRASIL DA IMPUNIDADE: Justiça decreta prisão preventiva de traficantes liberados em audiência de custódia


O juiz Marcos José Sampaio de Freitas Júnior, da 1º Vara Criminal de Parnamirim, decretou a prisão preventiva de Suênia Aguiar Alves, Alexandro dos Santos Pinheiro e Reinaldo José da Silva.
Os três foram presos na terça-feira (20) e liberados na quarta em audiência de custódia após polêmica nos procedimentos adotados por delegado na lavratura do auto de prisão em flagrante.
Com o grupo, foi apreendido quase 150 kg de drogas, dinheiro e armas.
“Há de se ter em conta que o conteúdo declarado fornece indícios sérios do envolvimento dos três suspeitos em atividades criminosas habituais de elevada gravidade, envolvendo quantidade muito elevada de drogas, além de armas e munições e balanças de precisão, o que atrai a necessidade da decretação da prisão preventiva como medida de garantia da ordem pública, haja vista a periculosidade concreta representada pela distribuição de entorpecentes por pessoas armadas, o que as regras ordinárias de experiência demonstram ser um fator desencadeante de diversos outros crimes graves, além de levar ao vício e à ruína pessoal e familiar de grande número de pessoas”, escreveu o magistrado em sua decisão.
Ainda não se tem notícia da prisão dos três, que passam à condição de procurados.
BLOG DO BG

Nenhum comentário:

Postar um comentário