sexta-feira, 20 de abril de 2018

Projeto quer incentivar doação de sangue por meio de mensagens

A Assembleia Legislativa está discutindo uma nova forma para incentivar a doação de sangue no Rio Grande do Norte. O deputado Gustavo Fernandes (PSDB) apresentou projeto de lei que pretende fazer com que os doadores sejam imediatamente informados quando o sangue doado for utilizado. Para o parlamentar, a medida pode contribuir com o aumento no número de doações no Estado.

"O projeto tem como objetivos incentivar a doação de sangue, expressando a importância dos doadores, criar um novo canal para manter o contato com as pessoas que fazem as doações, além de informar o doador sobre a efetiva utilização de seu sangue", argumenta Gustavo Fernandes.

No texto encaminhado pelo deputado, fica determinado que os bancos de sangue no RN fiquem responsáveis por informar diretamente aos doadores quando a doação for efetivamente utilizada para salvar uma vida. Através de SMS, mensagens por aplicativos, e-mail ou carta, os locais que coletarem o sangue farão o comunicado com o texto "Obrigado, você acabou de salvar uma vida!".

"O sangue é extremamente importante no tratamento de vítimas de acidentes, cirurgias, pacientes com câncer e hemofílicos, além de servir para as transfusões. No entanto, os índices de doações de sangue são baixos em todo o mundo, especialmente os do tipo "O" e "B" negativo. No Brasil, 1,9% da população faz a doação regularmente e esse número precisa aumentar", explica Gustavo Fernandes.

Na opinião do parlamentar, a proposta fará com que os próprios doadores divulguem nas redes sociais as mensagens que receberam após o sangue doado ser utilizado, incentivando outras pessoas a colaborarem a procurarem os bancos para contribuir com a causa. Ainda na proposta, fica determinado que só receberá a mensagem de confirmação o doador que mantiver seus dados cadastrados e demonstrar interesse em ser informado pelo banco de sangue.

Nenhum comentário:

Postar um comentário