quinta-feira, 30 de agosto de 2018

176º Homicídio em Mossoró 2018: Adolescente com moto roubada é morto a tiros após assalto nas Malvinas

A cidade de Mossoró, na região Oeste do Rio Grande do Norte, registra mais um homicídio a bala, elevando para 176 o numero de assassinatos no ano de 2018.

O crime aconteceu por volta das 20h00min, desta quarta feira 29 de agosto, na rua Iêda Rodrigues da Rocha, na região das Malvinas no bairro Dom Jaime Câmara.

Um adolescente de 17 anos, conhecido como "Pedrinho do Pirrichil" foi morto em via pública com vários tiros. De acordo com a Polícia Militar, o menor, que ocupava uma moto XRE 190 ano 1016 com placa QGK-4742 com queixa de roubo tinha praticado um assalto naquela região e quando fugia, foi perseguido por populares, armados que presenciaram o assalto e acabou sendo alcançado e morto em via pública..

Testemunhas relataram para a polícia militar no local, que uma pessoa que estava com o menor e que conduzia a moto conseguiu fugir a pé levando a arma do parceiro. A Polícia informou que o menor era suspeito de ter participado de um arrastão ocorrido no início da manhã desta quarta, a uma Van que transportava estudantes universitários de Messias Targino para Mossoró.

O assalto aconteceu na região das Malvinas, onde dois indivíduos em uma moto interceptaram a Van e anunciaram o roubo, levando celulares, dinheiro, notebook e outros objetos das vítimas.

Ainda de acordo com a PM não há informações até o momento sobre a identidade dos populares que mataram o adolescente. A polícia informou ainda que o menor assassinado havia sido apreendido pela Força Nacional na última segunda feira dia 27 com uma grande quantidade de entorpecentes e levado a DP de Plantão onde foi lavrado um BOC (Boletim Circunstanciado de Ocorrência) e depois liberado.

O corpo será periciado no local e depois removido para a base do ITEP onde será necropsiado e depois liberado para sepultamento. O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios de Mossoró (DHM). Já são 176 homicídios registrados na cidade em 2018.
Fonte: Fim da Linha

Nenhum comentário:

Postar um comentário