terça-feira, 26 de março de 2019

Polícia conclui que Cabo da polícia Pedro Inácio estuprou Zaira Cruz e depois a matou

Repórter Seridó - Nesta terça-feira(26), a Polícia Civil de Caicó, concedeu entrevista coletiva informando que a jovem Zaira Dantas Cruz foi estuprada e depois morta por estrangulamento.

O delegado, Dr. Leonardo Germano disse que o Cabo Pedro Inácio usou a força física para espancar a jovem, e com um golpe conhecido por "mata leão", a matou. 

De acordo com a fala do delegado ficou claro para a polícia que a garota ingeriu bebida alcoólica, em pouca quantidade, a autoridade policial disse: "A polícia acredita que ela morreu por ser mulher, e não realizar o desejo de Pedro".

A informações de que Pedro ficou com a vítima dentro do carro das 2:14h a 3h, e foi neste tempo, segundo a perícia e imagens de circuito de câmeras de TV, queo acusado tentou ter relação sexual com a universitária. 

Zaira teria sido vítima de dois estupros cometidos por Pedro, o primeiro foi em agosto de 2018, não denunciou o fato, mas compartilhou à época com pessoas próximas a ela.