sábado, 28 de novembro de 2020

Jovem espancado por 10 homens no interior do RN tem morte cerebral confirmada

Francisco Douglas, de 23 anos, foi agredido no dia 15 de novembro após o resultado das eleições em São Miguel, na região do Alto Oeste. Caso passa a ser investigado como homicídio qualificado.

Por Inter TV Costa Branca
Francisco Douglas teve morte cerebral confirmada após ser espancado por 10 homens em São Miguel — Foto: Reprodução
G1RN - Após ser espancado por cerca de 10 homens no último dia 15 de novembro, na cidade de São Miguel, na região do Alto Oeste do Rio Grande do Norte, o vendedor Francisco Douglas Gonçalves, de 23 anos, teve morte cerebral confirmada nesta sexta-feira (27). Ele estava internado na UTI do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), em Mossoró, desde o dia 18.

Com a morte de Francisco Douglas, o caso que era tratado como tentativa de homicídio passa a ser investigado como homicídio qualificado.

Por meio de imagens de câmeras de segurança, a Polícia Civil tenta identificar os suspeitos que agrediram o vendedor. Segundo os familiares, Francisco Douglas participava da festa em comemoração à vitória dos candidatos eleitos em São Miguel quando um grupo de pessoas iniciou o espancamento.

De acordo com o delegado de São Miguel, Cristiano Gouveia, as investigações avançaram nos últimos dias. Várias testemunhas já foram ouvidas, mas ainda há contradições nos depoimentos. "Alguns alegam que estavam ali para separar a briga. Mas não houve uma briga. Houve um linchamento. No mínimo, a gente vê três pessoas agredindo ele, dando socos", declarou o delegado.

Os familiares foram informados pela equipe médica sobre a morte cerebral nesta sexta-feira. Muito abalados, não quiseram gravar entrevista. O pai de Francisco Douglas, Juarez Gonçalves, acompanhou o filho em Mossoró e todos os dias frequentava a igrejinha do hospital para rezar. Na última quarta-feira (25), ele chegou a declarar que o estado de saúde de Francisco Douglas era muito grave e que estava "esperando um milagre".