quarta-feira, 9 de junho de 2021

Líderes destacam avanço na vacinação e atuação de PMs em plataformas digitais

A deputada Isolda Dantas (PT) usou o horário de lideranças, na sessão desta quarta-feira (09) da Assembleia Legislativa, para falar do avanço na vacinação no Rio Grande do Norte, e sobre a aprovação, pela Comissão Especial da Câmara dos Deputados, em Brasília, do Projeto de Lei que regulamenta o plantio de cannabis sativa, para fins medicinais, e a comercialização de medicamentos que contenham extratos, substratos ou partes da planta.
“Tenho ficado impressionada com os resultados de pessoas que consomem o óleo da cannabis através de medidas judiciais, dos avanços que as diversas pessoas têm nas diversas doenças como alzheimer”, citou a deputada, que já apresentou projeto de lei na Assembleia.

A parlamentar comentou ainda sobre a definição da Comissão Intergestores Bipartite, que reúne as Secretarias de Saúde do Estado e do Município de Natal, sobre o avanço da vacinação contra covid no Rio Grande do Norte, e que permitirá, a partir de agora, que pessoas de 59 anos para baixo, e sem comorbidades, possam ser imunizadas paralelamente aos grupos prioritários. “É preciso que a Prefeitura de Natal se organize porque Natal é a única capital do Nordeste que não faz isso”, afirmou Isolda, comemorando também a inclusão de mulheres lactantes no grupo de prioridades que já inclui grávidas e puérperas. “Uma dose vai proteger duas pessoas, e numa situação de escassez de vacinas nada melhor do que duplicar seus efeitos”, concluiu a deputada.