domingo, 16 de janeiro de 2022

Currais Novos registrou mais dois óbitos por COVID-19 e 138 novos casos em dois dias

A Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Epidemiológica, confirma na tarde deste domingo (16), mais 138 novos casos de Covid19, registrados no dia 14 e 15/01 totalizando 6664 casos de Coronavírus e mais 2 óbitos, chegando a um número de 121 no município de Currais Novos. 

O óbito 120,  trata-se de uma  paciente do sexo feminino, faixa etária entre 51 e 60 anos, diagnosticado via teste rápido, veio a óbito na madrugada de sexta para o sábado. Paciente encontrava-se em recuperação de um pós cirúrgico e testou positivo pra covid sendo encaminhada para a ala covid na sexta-feira dia 14/01. Paciente apresentava outras comorbidades e a família relata apresentar duas doses da vacina contra a covid-19. 

O óbito 121, trata-se de uma  paciente do sexo feminino, faixa etária entre 81 e 90 anos, diagnosticado via teste rápido na manhã de ontem (15/01), na Urgência do Hospital Regional Mariano Coelho. A paciente havia passado por um procedimento cirúrgico em Natal e retornou para Currais Novos no dia 13/01 e ontem passou mal, sendo levada ao hospital e ao constatar o diagnóstico para covid foi encaminhada para a ala Covid, porém não resistiu e veio a óbito. A paciente apresentava registros das três doses da vacina contra covid19. 

A Prefeitura de Currais Novos lamenta profundamente e externa as condolências a família da vítima. 

A SEMSA, por meio da Vigilância Epidemiológica, pede a toda a população precaução. Que continuemos alertas com todos os cuidados já conhecidos como o uso de máscara e a higiene pessoal, evitando se possível, locais com aglomeração. 

É muito importante que quem está na faixa etária já contemplada com a vacina, que compareça aos pontos de vacinação para tomar a primeira, a segunda ou a terceira dose, que é a dose de reforço, seguindo as recomendações do Ministério da Saúde. 

A vacinação é a forma mais eficaz de frear a contaminação e o surgimento de novas variantes do coronavírus. Apenas a imunização em massa protege todas as pessoas e diminui o risco de contágio.