quinta-feira, 10 de fevereiro de 2022

Itep de Caicó sofre críticas por não remover corpo de motociclista que morreu em acidente na RN-288; Samu fez o trabalho

O Itep de Caicó foi acionado mas não compareceu em local de acidente para remover o corpo do motociclista Jackson wanderley da Silva, de 65 anos, e sofreu sérias críticas na internet. Vítima conduzia uma moto tipo Harley-Davidson quando caiu do veículo ao sobrar em curva na RN-288.

O corpo da vítima foi removido pelo SAMU, que estava estava no local em face à tentativa de salvar o idoso, que tudo indica, sobrou na curva a poucos quilômetros da cidade de Jardim de Piranhas, falecendo no local com fraturas múltiplas. Policiais do CPRE e Cavalaria isolaram a área.

O Itep é formado em sua grande maioria por policiais civis, e no RN a categoria está em greve. O órgão disse ainda que só pode remover um corpo se houver liberação de um DPC. Os policiais civis querem reaver o direito à ADTS (Adicional por Tempo de Serviço), retirado pelo Governo.

Corpo do idoso será sepultado em Parnamirim, nesta quinta feira, 10.
Por Jair Sampaio