segunda-feira, 21 de março de 2022

Ezequiel Ferreira será candidato ao Governo do Estado

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte (ALRN), Ezequiel Ferreira (PSDB), será candidato ao Governo do Estado, em oposição à governadora Fátima Bezerra (PT). Ele terá como vice Walter Alves (MDB), que foi indicado pelo prefeito de Natal, Álvaro Dias (PSDB). Além deles, fará parte da majoritária Rogério Marinho (PL), concorrendo ao Senado. As informações foram repassadas à TRIBUNA DO NORTE por uma fonte próxima aos políticos.

O anúncio oficial do lançamento da candidatura do presidente da ALRN ao Governo do Estado deverá ser feito ainda nesta semana, segundo confirma a fonte. Ezequiel surge como nome da oposição à Fátima Bezerra após outras pré-candidaturas não ganharem repercussão desejada entre os eleitores.

Neste domingo (20) o partido de Ezequiel, PSDB, e de Walter, MDB, firmaram parceria para as eleições de 2022 no RN. Em comunicado divulgado pela assessoria de imprensa, a "aliança entre os dois partidos fortalecerá nominatas de deputados e também será decisiva para majoritária".

Perfil

Ezequiel exerce o seu quinto mandato na ALRN. Presidente da Casa, Ezequiel Galvão Ferreira de Souza, é o 12º membro da família a ocupar uma cadeira na Assembleia Legislativa, fazendo parte de uma família que há muitos anos tem liderança política no Rio Grande do Norte.

O deputado é bisneto do ex-deputado Ezequiel Mergelino, que ocupou uma cadeira no legislativo estadual em 1910; sobrinho-neto do ex-senador e ex-deputado José Ferreira; sobrinho-neto da ex-deputada Maria do Céu Fernandes, primeira deputada eleita do Rio Grande do Norte; também sobrinho-neto do ex-governador e ex-deputado Cortez Pereira; primo de um dos mais brilhantes parlamentares que já passaram pela Assembleia Legislativa, deputado Paulo de Tarso Fernandes; primo do ex-governador do Rio Grande do Norte Iberê Ferreira; e filho do ex-deputado e ex-presidente da Assembleia Legislativa, Dr. Ezequiel José Ferreira de Souza.

A sua principal base política é na região do Seridó, especialmente em Currais Novos, seu berço político, e onde obteve maior votação para deputado estadual na história do município.
Fonte: Tribuna do Norte