quarta-feira, 27 de junho de 2018

Caicoense é um dos presos na Operação Dragões de Fogo desencadeada pela PF

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta terça-feira (26) a Operação Dragões de Fogo com o objetivo de combater o tráfico de drogas em João Pessoa, em Campina Grande e no Sertão paraibano. 

De acordo com a PF, as investigações foram iniciadas em 2017 pela Delegacia da Polícia Federal em Campina Grande, e se concentraram em duas grandes organizações criminosas voltadas para o tráfico interestadual de entorpecentes.
A Polícia Federal confirmou que sete pessoas foram presas, sendo três mulheres e dois homens em Campina Grande; uma mulher em João Pessoa; e um homem em Paulista, o Flaviano dos Santos (natural de Caicó), preso por agentes federais da Delegacia da PF de Patos, para onde foi conduzido.

Segundo a PF, durante a investigação foram interceptados diversos carregamentos ilícitos de drogas, na Paraíba e no Rio Grande do Norte, que acarretaram a prisão em flagrante de 14 indivíduos e a apreensão de aproximadamente 360 quilos de maconha e 32 quilos de cocaína, além de duas armas de fogo. Ainda de acordo com a Polícia Federal, os líderes das organizações criminosas investigadas também integram a cúpula de facção criminosa com atuação na Paraíba.

Para esta fase da Operação Dragões de Fogo, a Vara de Entorpecentes de Campina Grande expediu 20 mandados de prisão preventiva e 20 mandados de busca e apreensão. Cerca de 150 policiais federais cumprem as ordens judiciais em João Pessoa, Campina Grande, Patos, São Bento, Paulista e Teixeira.

O nome Dragões de Fogo foi escolhido para operação porque, na mitologia, essas criaturas são associados com o mal e o caos. Os dragões dos mitos sumérios, por exemplo, frequentemente cometiam grandes crimes e acabavam punidos pelos deuses.

Assessoria PF PB - Blog Jair Sampaio

Nenhum comentário:

Postar um comentário